Carta Aberta enviada ao proprietário da Antiga Naia/Cancan na Av Roma 17 [Actualizada]


Enquanto eventuais clientes do espaço comercial que vai funcionar na antiga loja Naia/Cancan os subscritores desta mensagem apelam ao proprietário desta loja comercial – com obras abandonadas desde Junho – que tome medidas por forma a que:
1. A sua propriedade não exiba um estado de abandono e degradação com significativo impacto na qualidade de vida dos moradores e dos estabelecimentos comerciais circundantes.
2. A segurança pública está em causa através das águas com cheiros nauseabundos, do lixo no interior, das ratazanas que por aqui são regularmente observadas, dos vidros quebrados da montra ou da pala com sinais de queda iminente de alguns dos seus elementos.
3. Este espaço é limpo regulamente e que o acesso a partir da rua – por grade aberta – é fechado.
4. São colocadas lonas ou tapumes que isolem completamente a loja do exterior.
5. todas estes melhoramentos sejam executados antes do prazo previsto (Dezembro!) uma vez que esta actual condição de abandono data já dos começos de Junho.

Somos todos vizinhos.
Seremos todos (talvez) clientes.

Subscrevem:
Rui Martins
Anabela Nunes
Cátia Mendes
Luz Cano
Ana Paula Araujo
Mira de Lacerda
Rita Costa
Maria Fernanda Henriques Lopes
Tito Ferreira de Carvalho
Susana Weinstock
Ines Domingos
Cecília Gonçalves Bastos
Teresa Capela
Margarida Braz Pinto Coimbra
Luisa Pico Costa
Isabel Athayde E Mello
Pedro André
Luisa Martins de Carvalho
Susana Isabel Woodward Martins
Filipa Macedo
Ruy Redin
Filipa Vilela Matos
Luis Seguro
Denise Mendes
Claudia Pinto
Pedro Pinto
José Vieira Mesquita
Maria DM
John Burney
Rosa Branca Graça
Virginia Pato
Maria Delfina Vasconcelos
Catarina Coelho

Actualizada (enviada à rede de supermercados que vai alugar o espaço):
Existem indícios – de relativa confiança – de que será a rede de supermercados biológicos BRIO Biológico (que inaugurou recentemente uma filial nas Amoreiras) o inquilino que irá ocupar a antiga loja Naia/Cancan na Avenida de Roma, 17A.
A confirmar-se, apelamos a que esta empresa proceda rapidamente às intervenções que sugerimos recentemente ao proprietário através de Carta Aberta (ver site) e que desfeiam o bairro, criam riscos de saúde pública (ratazanas, pala em colapso, águas estagnadas, vidros partidos na montra, etc).
Sem mais e confiando na boa fé das partes (senhorio e inquilino) subscrevemo-nos
Rui Martins
Maria João Gracio
Fernando Faria
Maria Julieta Mendes Martins
Rita Costa
Carmosinda Veloso
Alda Salcedas
Maria João Morgado
Mira de Lacerda
Maria Lourdes Alves Gouveia
Tereza Taveira
Ines Domingos
Luz Cano
Ana Paula Araujo
Lucrezia Guaita Diani
Maria Joao Gouveia
John Burney
Teresa Capela
Luis Seguro
Filipa Vilela Matos
Isabel Athayde E Mello
Cristina Azambuja
Virginia Pato
Catarina Coelho
José-António Rodrigues
Catarina Rebelo
Clara Ribeiro
Helena Juliao
Maria Graça

Actualização de 4 de Novembro:
Ontem à noite, o Regimento de Sapadores Bombeiros e a Polícia Municipal instalaram barreiras de segurança para impedirem danos pessoais provocados pelo iminente colapso do vidro da montra da antiga Naia/Cancan (um pedido dos Vizinhos do Areeiro já com alguns meses…)
Hoje, apareceram no interior da loja estas placas de madeira que parecem indicar que os vidros serão trocados pelas ditas, dando assim cumprimentos à maioria dos nossos pedidos.
A seguir!
(insistir vale a pena!)

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s