Delegado de Saúde: Riscos de Saúde Pública nas obras abandonadas na Antiga Naia/Cancan [Resolvido]

 

O Movimento de Cidadãos “Vizinhos do Areeiro” apela ao Delegado de Saúde Regional de Lisboa e Vale do Tejo para que intervenha nas obras, paradas desde Junho de 2016, na Avenida de Roma, 17A (antiga loja “Naia/Cancan”). Nestas obras são comuns os observações de ratazanas, a montra exibe um vidro quebrado de grandes dimensões e a pala apresenta danos estruturais que reforçam o risco de saúde pública a quem quer que transite por esta movimentada artéria lisboeta. Além destes riscos existem águas estagnadas no interior, com um cheiro nauseabundo e sons que dão a entender que existe uma ruptura de um sistema de esgotos, algures no interior de uma loja que foi esventrada até aos pilares da fundação pelo proprietário ou responsável de obra tendo ficando neste estado desde há quatro meses.

Enviada a 2 de Outubro com Conhecimento da Junta de Freguesia do Areeiro

Actualização:
A 2 de Outubro pedimos a intervenção do Delegado de Saúde de Lisboa para a situação das obras paradas na antiga Naia/Cancan: ratos, lixo, águas estagnadas, fugas de esgoto, pala em colapso, etc.
A 5 de Outubro, depois de 4 meses sem alterações, alguém (o proprietário) começou a tapar os vidros da antiga loja.
A 12 de Outubro, enviámos um pedido de intervenção ao Regimento de Sapadores Bombeiros.
A 5 de Novembro, foram colocadas placas de contraplacado à frente dos vidros quebrados e da grade.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s