Questões quanto ao estacionamento e circulação pedonal e de veículos no Bairro do Arco do Cego [Parcialmente Resolvido]


Quanto ao estacionamento e circulação pedonal e de veículos no Bairro do Arco do Cego, o movimento de cidadãos “Vizinhos do Areeiro” gostaria de questionar a Câmara de Lisboa e a EMEL quanto:
1. À falta de pilaretes na zona pedonal de acesso o pátio da escola EB1 S. João de Deus do Agrupamento de escolas D. Filipa de Lencastre sendo que a mesma ausência se observa na escola EB2. Esta lacuna – e o baixo civismo de muitos – leva a situações diárias de estacionamento selvagem, especialmente em período escolar e nas horas de entrada e saída das aulas. Estes abusos diários representam uma ameaça à segurança de peões, adultos e crianças e exigem uma resposta urgente por parte das autoridades competentes.
2. As alterações do sentido do trânsito de muitas ruas do bairro com a concentração de entradas no bairro levaram à criação de engarrafamentos constantes, com percursos que antes se faziam em 5 minutos a serem agora feitos em 15 ou, mesmo, 30 minutos.
3. As áreas que existiam para largada e recolha de passageiros (alunos) junto à escola deixaram de existir, ao contrário do que acontece na maioria das escolas de Lisboa
4. Os pilaretes colocados junto à escola são perigosos porque o passeio desceu e a percepção de adultos e crianças do espaço onde circulam automóveis e circulam peões se diluiu.
5. As passadeiras de peões desapareceram numa evaporação que não é compreensível (embora possa ser provisória)
6. Os canteiros com indicação de uma “Zona 30” estão desalinhados e, pior, sobre lugares de estacionamento.
7. Todas estas situações poderiam ter sido evitadas se em vez da circulação através do interior do Bairro se tivesse usado a via que acompanha a sede da CGD e que liga as Avenidas Novas à Praça de Londres.

Subscrita por:
Rui Martins
Madalena Matambo Natividade
Mira de Lacerda
Luz Cano
Maria João Morgado
Maria Cereja
Afonso Garcia
Fernando Seabra
Manuela Melo
Maria Isabel Cupertino
Elisabete Carvalho
Luis Seguro
John Burney
Sílvia Baptista
Marta Campos
José Vieira Mesquita
Fernanda Cunha
Pedro Stichini Vilela
Carlos Augusto Correia
Ana Paula Araujo
Paula Borges
Artur Mateus Mascarenhas

Resposta do Gabinete do Vereador Manuel Salgado de 14 de Outubro de 2016:
“Em resposta ao e-mail que nos remeteram, em que são levantadas questões sobre o estacionamento, a sinalização vertical e a sinalização horizontal, importa informar que a zona se encontra em intervenção de obra, e que por isso apresenta as debilidades apontadas, mas que serão corrigidas com a realização do projeto aprovado para aquela zona”

Anúncios

One thought on “Questões quanto ao estacionamento e circulação pedonal e de veículos no Bairro do Arco do Cego [Parcialmente Resolvido]

  1. A resposta da C.M.L. não diz nada!
    A falta de passadeiras numa zona com 3 escolas, onde circulam centenas de crianças diariamente é inqualificável!
    A segurança dos peões, principalmente numa zona que dizem estar ainda em obras (não o parece), deveria ser prioritária.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s